Replay4.me – Apreender

Pablo Sales

"Gravar as aulas, por exemplo, era sempre um desafio. Poucos professores entendiam o real valor de se observar e avaliar o impacto da sua aula para os alunos."

Esporte, empreendedorismo e educação. Na startup mineira Replay4.me, uma das soluções inovadoras cadastradas na plataforma Apreender, essa mistura faz todo o sentido. No esporte, quando algo precisa ser melhorado, o atleta e a equipe reveem, quantas vezes for necessário, a gravação do jogo. Por que não aplicar a técnica na educação? Foi pensando nisso que a Replay4.me desenvolveu uma solução com o propósito de melhorar a atuação dos professores dentro de sala de aula, compartilhando práticas de ensino mais efetivas e, com isso, aumentar o aprendizado dos alunos.

A Replay4.me é uma plataforma que aposta na tecnologia – e no replay – para desenvolver projetos de formação de professores. Seu produto é uma ferramenta que permite a gravação de aulas, a possibilidade de desenvolver novos vídeos e, em ambos os casos, de compartilhar o conteúdo com as pessoas interessadas. A empresa conta ainda com um braço de conteúdo e treinamento para comunicação corporativa.

Como modelo de negócio, a empresa oferece três soluções B2B (Business to Business) – ou seja, à venda para escolas, e não para alunos –, que podem ser compradas separadamente, apesar de serem complementares, em planos anuais ou mensais. A primeira é chamada de Replay e permite que as aulas sejam gravadas e enviadas para a plataforma, à disposição dos estudantes. A segunda é a Repeteco, em que, com a ferramenta, os alunos podem tirar dúvidas com seus professores, tutores e colegas por meio de vídeos, textos ou áudio. A terceira é a Revisa, voltada para usuários que estão se preparando para vestibulares, Enem, concursos públicos e exames em geral.

Dentro desses três formatos disponíveis, o professor é o ponto-chave da questão. Ele consegue ter o registro das melhores práticas de técnicas de aprendizagem, tem a oportunidade de aplicar novos formatos de aulas e também consegue perceber suas falhas, buscar soluções e traçar um panorama da sua evolução como profissional. Já para os alunos, ter a chance de rever as aulas é um recurso importante, principalmente quando as provas estão chegando e as anotações não parecem suficientes.

Apesar de a solução estar em fase final de validação e a plataforma já estar caminhando para a segunda versão, Pablo Sales, CEO da Replay4.me, conta que, no decorrer dessa trajetória, houve alguns percalços para tirar a ideia do papel. “No início do projeto, tudo só foi possível graças ao capital intelectual e know-how dos sócios e a entrada de um investidor anjo, que fez com que tivéssemos fôlego financeiro para tornar a Replay4.me realidade. A partir do momento que conseguimos concluir a primeira versão do nosso produto, outros tipos de dificuldade apareceram. Gravar as aulas, por exemplo, era sempre um desafio. Poucos professores entendiam o real valor de se observar e avaliar o impacto da sua aula para os alunos”, explica.

Mas, apesar deste desafio, o time da Replay4.me usou a dificuldade para tornar o produto ainda mais sólido. “Hoje, nos grupos educacionais que atendemos, durante a fase de implementação da solução, é feito um trabalho de conscientização do quão importante é fazer com que os professores se observem e avaliem seus pontos de melhoria”, conta.

Ele explica que é mais efetivo contextualizar e mostrar o quão significativa é a solução inovadora para os professores do que simplesmente pedir a autorização para gravar a aula. Se no presente a Replay4.me vem conquistando parceiros importantes na caminhada, quando o assunto é o futuro, Pablo sonha alto. “Vejo a nossa equipe crescendo, e a Replay4.me consolidando sua operação no Brasil por meio de uma base e do aumento de clientes em todos os estados. Com isso, já queremos iniciar uma estratégia de crescimento na América Latina”, finaliza.